Aprenda o português do Brasil!

Atividades em português.
Activities in Portuguese.

12 October 2011

Verbos SER e ESTAR


When to use the verbs SER and ESTAR
beginner level

SER (permanent) is used to express:
Horas (time): Que horas são? São 5:00.
Dia (day): Que dia é hoje?
Data (date): Hoje é 30 de setembro.
Nacionalidade (nacionality): Eu sou brasileiro.
Profissão (profession): Nós somos arquitetos.
Características (characteristics): As crianças são bem educadas.
Posse (possession): O livro é meu.
Estado civil (marital status): Clara é solteira.

ESTAR (temporary) is used to express:
Localização (location): Eu estou na livraria.
Sentimento/sensação (how someone is feeling): Como você está hoje? Estou muito gripado.
Condição (condition): Patricia está ausente hoje.
Temperatatura (temperature): O tempo está frio.

Complete os espaços com o verbo SER ou ESTAR:

a)      Eu _________ muito inteligente.
b)      Sua prima e eu _________ na loja de jogos.
c)       Aquele rapaz não ____________ interessado na aula.
d)      Você ________ com dor de cabeça?
e)      Leandro ________ angolano.
f)       Os sapatos ____________ da Andréa.
g)      Os copos ________ de plástico.
h)      Mãe, sua comida hoje ________ uma delícia.
i)        Minha melhor amiga e eu __________ professoras.
j)        O filme Central do Brasil _________ muito famoso.
k)      Nós __________ muito cansados agora.

10 comments:

  1. Esta regra de permanente e temporario alguns furos. Um exemplo classico: O homem está morto.

    ReplyDelete
  2. Anonymos,não há "furos" na regra. A questão é relacionar o fato ao tempo ou a consequência. Vc não vai se relacionar a uma pessoa que morreu ontem e foi enterrada como ela está morta e sim, ela morreu. o "está" denota um tempo presente, um momento breve, um fato ocorrido a poucos instantes, um estado em que o corpo se encontra: morto,inerte.E, quando enterrado, ele perde a referência e então passa a ser permanente. Morreu.
    A pessoa continuará morta, a não ser que haja o milagre da ressucitação.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Há furos sim. Sua explicação também não condiz com a regra, cara Carla. Tanto é que se fôssemos pensar que seu postulado ("está" denota um tempo presente, um momento breve, etc.) não serve para outros exemplos como "Ele está campeão".

      Delete
  3. Sim, há alguns furos nesta divisão. Sobretudo quando lidamos com o pretérito imperfeito. Por exemplo em "Quando eu era criança". Ser criança é passageiro, mas usamos o verbo "ser".

    ReplyDelete
  4. Estou de acordo com o "furo" do ser e estar. O grande problema é q a explicaçao de Carla Dias pode parecer coerente para nós, brasileiros e professores, mas é super complicado explica-la para estrangeiros. Podemos utilizar a explicaçao perene/temporário, mas devemos ressaltar aos alunos que existe situaçoes que fogem a esta regra. Infelizmente o material existente sobre o tema em língua portuguesa é insuficiente; em espanhol há muito mais...

    ReplyDelete
    Replies
    1. Concordo, Letícia! Essas regras são só um norte pra nós professores. Melhor usar umas regras com "furos" do que ensinar arbitrariamente situação por situação.

      Delete
  5. Achei teu blog legal! Também dou aulas de PLE.
    A respeito dos "furos" apontados anteriormente, devemos sempre ensinar aos alunos que existe regra geral e exceção.
    Porém, não concordo que o exemplo "Patricia está ausente hoje" represente condição.

    ReplyDelete
  6. Eu creio que regras e padrões no início do processo de aprendizagem são fundamentais para que os alunos se sintam mais confortáveis e confiantes para falar. Os usos específicos devem ser abordados quando os alunos já são capazes de analisar nuances da língua.

    ReplyDelete
  7. Obrigada pelo comentário. Concordo com você!

    ReplyDelete